Friday, September 28, 2018

Índia: contagem regressiva para plásticos de uso único

A Índia programa para 2022 a entrada em vigor de uma das mais abrangentes proibições aplicadas no mundo sobre artefatos plásticos monouso, informa o estudo “Rethinking single use plastics” (Repensando os plásticos de uso único”), publicado em agosto último pela área de soluções e perspectivas globais do banco norte-americano Citi. O banimento compreende desde garrafas PET e descartáveis a sacos plásticos em geral, inclusos os de lixo. Entre as cidades indianas, Mumbai já se antecedeu a lei nacional aplicando multa de US$70 para a primeira infração e US$350 e três meses de prisão para a reincidência, penas pesadas para um país de renda per capita anual na média de US$620. Em Mumbai, além dos artefatos já citados, estão proibidos pouches de líquidos e sacolas de nãotecido. Entre as alegações para a lei do banimento, consta a intenção de reduzir os impactos ambientais a tiracolo de enchentes, a exemplo do entupimento dos sistemas de drenagem por plásticos.
Plásticos em Revista - 28/09/2018
See this news in: english espanhol
Other news
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2019 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 third floor 01452-001 São Paulo/SP