sexta-feira, 25 de maio, 2018

Pressão do varejo pode reduzir tarifa nas vendas em cartão

As negociações entre varejistas e empresas adquirentes tendem a ficar mais intensas nos próximos meses. A expectativa é de que haja maior pressão dos comerciantes para que as donas das maquininhas de cartão reduzam a taxa cobrada a cada transação, conhecida pela sigla MDR. O impulso deve vir de uma regulação definida há dois meses pelo Banco Central, que estabelece um teto para a tarifa de intercâmbio, um dos três valores que compõem a MDR, responsável por mais da metade do valor final taxa cobrada por transação. O valor médio dessa tarifa é atualmente de 0,82%, mas com a nova regulação não poderá, a partir de outubro, superar 0,8%. Entidades como Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IDV) acreditam que será necessária uma queda de braço entre comerciantes e empresas adquirentes para que a redução na tarifa seja repassada, possibilitando que o varejo pratique preços mais baixos.
Supermercado Moderno - 23/05/2018
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP