quinta-feira, 10 de janeiro, 2019

Venda de carros importados cresce 26,3% em 2018

A venda de carros importados cresceu 26,3% em 2018, com o emplacamento de 37,5 mil unidades, segundo os dados divulgados ontem pela Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores (Abeifa). O resultado ficou um pouco abaixo da projeção da entidade, que esperava atingir 40 mil carros vendidos no País. Além de contar com o aumento da demanda dos consumidores, o segmento contou com a ajuda do fim de uma barreira do governo à importação de carros. No fim do ano passado, acabou a cobrança de 30 pontos adicionais no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para quem importasse acima de uma cota definida pelo governo, por meio do programa Inovar-Auto, que expirou em 2018. O presidente da Abeifa, José Luiz Gandini, afirma que o mercado foi prejudicado pela valorização do dólar, que encarece os carros. No último mês de 2018, as vendas cresceram 2% em relação a dezembro de 2017, para 3,3 mil emplacamentos. Em relação a novembro, houve alta de 15%. Para 2019, a expectativa é de novo crescimento, dessa vez de 33%, para cerca de 50 mil unidades vendidas. "Em princípio, nossa primeira projeção pode parecer otimista demais, diante das estimativas já anunciadas pela indústria e pelo setor de distribuição, na casa de 11%. Mas estamos considerando a demanda reprimida de 2018, ano em que o dólar flutuou mais próximo de R$ 3,90", disse o presidente da Abeifa.
Jornal do Comércio - 10/01/2019
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2019 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP