terça-feira, 02 de julho, 2019

Faturamento real da indústria cai 2,2% em maio

A atividade industrial apresentou retração em maio na comparação com abril, conforme a pesquisa de Indicadores Industriais da Confederação Nacional da Indústria (CNI). O faturamento real (descontada a inflação medida pelo INPC) da indústria cedeu 2,2% no quinto mês do ano, na série com ajuste sazonal. Na comparação entre maio e o mesmo mês do ano passado, houve expansão de 17,6%. De acordo com a CNI, a utilização da capacidade instalada passou de 77,7% em abril para 78,7% em maio. Na série com ajustes sazonais, o porcentual foi de 77,8% para 78,1% no período. A CNI informou ainda que o emprego na indústria cedeu 0,2% em maio, na série ajustada. Em relação a maio de 2018, houve baixa de 0,4%. No caso da massa salarial real (descontada a inflação medida pelo INPC), houve alta de 0,4% em maio ante abril, na série com ajuste sazonal, e baixa de 0,8% em relação a maio de 2018. Já o rendimento médio real subiu 0,5% em maio ante abril e cedeu 0,5% em relação a maio do ano passado. Conforme os números da CNI, as horas trabalhadas na produção industrial brasileira também cederam em maio ante abril (queda de 0,2%), na série ajustada. Em relação a maio do ano passado, houve alta de 1,3%.
DCI - 02/07/2019
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2019 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP